Causas da Fadiga Extrema Súbita
Autor:

Causas da Fadiga Extrema Súbita

A fadiga súbita e debilitante também pode acompanhar infecções bacterianas graves dos pulmões, rins, coração, ossos ou corrente sanguínea.

Todo mundo se sente cansado de vez em quando, mas a fadiga é mais do que o cansaço cotidiano. É um estado caracterizado por cansaço profundo que interfere com sua capacidade de realizar as tarefas de sua vida diária.

A fadiga ocorre com uma grande variedade de doenças. Fadiga súbita e extrema sugere uma doença aguda ao invés de crônica. Os sinais e sintomas que acompanham ajudam a reduzir a longa lista de possíveis causas.

Causas da fadiga extrema súbita

Infecção Viral ou Bacteriana

A fadiga grave ocorre com muitas infecções virais e bacterianas. Exemplos de infecções virais que frequentemente causam esse sintoma incluem influenza, mononucleose infecciosa (mono), doença de Lyme, citomegalovírus (CMV) e hepatite aguda A ou B. A febre é comum com todas essas doenças, mas outros sinais e sintomas variam. Por exemplo, uma dor de garganta grave pode sugerir mono enquanto a perda de apetite e náusea susceptem sinais de hepatite viral aguda.

A fadiga súbita e debilitante também pode acompanhar infecções bacterianas graves dos pulmões, rins, coração, ossos ou corrente sanguínea. Além da febre, geralmente estão presentes sinais e sintomas específicos do local infectado.

Estresse psicossocial e Transtornos de Saúde Mental

O estresse psicossocial muitas vezes causa fadiga profunda, especialmente se grave. Perda de um emprego, dificuldades financeiras, separação ou divórcio, uma doença grave na família ou...

... a morte de um ente querido são alguns exemplos de situações que podem desencadear estresse severo e fadiga.

Transtornos de saúde mental, particularmente depressão, também podem levar a fadiga súbita e incapacitante.

Uma análise em conjunto de 26 estudos publicados em outubro de 2016 na BMC Family Practice constatou que cerca de 19% das pessoas que foram ao médico com cansaço como seu principal sintoma foram diagnosticadas com transtorno depressivo grave.

O primeiro episódio de depressão maior ocorre mais comumente no início da vida adulta, mas pode ocorrer em adultos de meia-idade e idosos.

Distúrbios cardíacos

Certos tipos de ritmos cardíacos anormais, ou arritmias, podem causar fadiga súbita e extrema. Esse sintoma ocorre frequentemente com arritmias que causam uma freqüência cardíaca lenta, ou bradicardia. Síndrome do seio doente e bloqueio cardíaco são dois exemplos.

A fadiga também pode ocorrer com fibrilação atrial, uma arritmia comum caracterizada por atividade elétrica rápida e desorganizada nas câmaras superiores do coração.

Fadiga súbita também pode sinalizar um ataque cardíaco iminente, especialmente em mulheres. Os autores de um estudo publicado em novembro de 2003 na Circulation relataram que, entre 515 mulheres, 95 experimentaram novos sintomas nas semanas a meses antes de sofrer um ataque cardíaco.

O sintoma mais comum foi a fadiga, que foi experimentada por 71% dos que relataram anunciando sintomas. A maioria das mulheres que...

publicidade

...experimentaram fadiga classificou-o como grave.

Outras considerações

Há muitos outros possíveis culpados, numerosos demais para listar em um breve artigo, que podem potencialmente levar a uma fadiga súbita e extrema. Algumas dessas outras considerações incluem:

  • Efeito colateral da medicação
  • Diabetes não diagnosticada
  • Lesão renal aguda
  • Encefalomielite miálgica primitiva/síndrome da fadiga crônica

A fadiga ocorre com uma miríade de outras condições médicas, embora tende a se desenvolver gradualmente ou pode encerar e diminuir. Alguns exemplos dessas condições incluem:

  • Distúrbios do sono
  • Anemia por deficiência de ferro
  • Doença celíaca
  • Doença inflamatória intestinal
  • Insuficiência renal crônica
  • Insuficiência cardíaca congestiva
  • Doença pulmonar obstrutiva crônica
  • Hipotireoidismo
  • Lúpus eritematoso sistêmico
  • Artrite celular gigante
  • Esclerose múltipla
  • Doença de Parkinson
  • Fibromialgia
  • Câncer de órgão sólido

Avisos e Precauções

Consulte seu provedor de saúde o mais rápido possível se você sentir uma fadiga súbita e extrema que dure mais do que alguns dias. Se for época de gripe, não se esqueça de contar ao escritório sobre os sintomas que você está experimentando. Procure atenção médica imediata se sua fadiga estiver acompanhada de quaisquer sinais e sintomas de alerta, incluindo:

  • Falta de ar ou dificuldade para respirar
  • Febre ou febre baixa persistente superior a 38,8 graus
  • Dor ou pressão no peito
  • Suor excessivo ou frio, pele úmida
  • Inchaço repentino de seus pés, tornozelos ou mãos
  • Confusão, agitação, sonolência excessiva ou outras mudanças mentais
  • Tontura ou desmaio
  • Náuseas severas e vômitos
  • Descoloração amarela da pele ou brancos dos olhos
  • Dor óssea súbita ou piora
  • Pensamentos ou sentimentos suicidas
Sobre o Autor
Dr. Pedro Lemos - Médico Generalista escritor

Médico Generalista escritor com 35 anos de experiência em Clínica Geral / Saúde da Família.

Aviso Saudável
Os conteúdo do artigo e demais informações divulgadas não devem substituir a orientação ou o diagnóstico de profissionais de saúde ou um especialista na área de saúde.
Em caso de emergência médica ligue para 192 e solicite ajuda!
Disque Saúde SUS (Sistema Único de Saúde) ligue para 136
Centro de Valorização da Vida (CVV) ligue para 188.

publicidade