O que é Insuficiência Pancreática Exócrina? O que você precisa saber
Autor: Dr. Pedro Lemos

O que é Insuficiência Pancreática Exócrina? O que você precisa saber

Insuficiência pancreática exócrina ocorre quando o pâncreas não pode fazer ou liberar enzimas digestivas suficientes para quebrar alimentos e absorver nutrientes.

publicidade

O pâncreas é um órgão, com cerca de 6 polegadas de comprimento, localizado atrás da sua barriga. Tem duas funções principais: fazer hormônios e produtos químicos digestivos.

Como parte do sistema endócrino do pâncreas faz com que hormônios, como a insulina, que ajudam a controlar o açúcar no sangue. O pâncreas também desempenha um papel importante no seu sistema digestivo, liberando substâncias químicas que ajudam a digerir a comida. Quando as enzimas do seu pâncreas entram na parte superior do seu intestino, elas quebram proteínas, gorduras e hidratos de carbono em formas de que seu corpo pode absorver. Isso é conhecido como função exócrina do pâncreas.

Insuficiência pancreática exócrina ocorre quando o pâncreas não pode fazer ou liberar enzimas digestivas suficientes para quebrar alimentos e absorver nutrientes.

Digestão de gordura é a mais impactado. Enquanto seu corpo tenta expulsar a gordura parcialmente digerida, seu intestino vai se sentir chateado. Você provavelmente experimentará sintomas como distensão abdominal, flatulência, dor abdominal e diarreia.

Insuficiência pancreática exócrina severa pode levar à perda de peso, diarreia gordurosa e desnutrição. Insuficiência pancreática exócrina é rara, e seus sintomas e a causa pode ser confundida outros distúrbios digestivos. Por estas razões, pode ser negligenciado durante o diagnóstico.

Se você tem sintomas que sugerem insuficiência pancreática exócrina discutir com seu médico. Os sintomas podem ser sinal de condições subjacentes como diabetes ou pancreatite. Tratamento de insuficiência pancreática exócrina é importante porque pode melhorar sua qualidade de vida, evitar causar mais danos seu pâncreas e evitar complicações graves de desnutrição.

O que causa a Insuficiência Pancreática Exócrina?

Qualquer coisa que interrompe o processo normal de enzimas digestivas, deixando o pâncreas pode causar insuficiência pancreática exócrina. Há uma variedade de condições que podem criar esse rompimento.

Pancreatite que não melhora com o tempo e a fibrose cística são as causas mais comuns. Outras...

publicidade

... condições que causa insuficiência pancreática exócrina podem ser herdadas, causada por outras doenças do intestino, ou seja o efeito colateral da cirurgia.

Condições associadas com insuficiência pancreática exócrina:

  • fibrose cística
  • pancreatite crônica
  • pancreático ou cirurgia de estômago
  • diabetes
  • doença celíaca
  • doenças inflamatórias intestinais como a doença de Crohn
  • pancreatite auto-imune
  • câncer pancreático
  • Síndrome de Zollinger-Ellison

Fatores de risco para a Insuficiência Pancreática Exócrina

Insuficiência pancreática exócrina é comumente associado a outras condições. A maioria das pessoas com pancreatite crônica podem desenvolver insuficiência pancreática exócrina. Uso de álcool pesado e contínuo, aumenta suas chances de desenvolver pancreatite em curso. Pancreatite crônica também pode funcionar nas famílias. Em outros casos, não há nenhuma causa conhecida para pancreatite em curso.

A fibrose cística é uma doença hereditária, portanto, se você carrega o gene seus filhos são mais propensos a desenvolver a doença.

Quais são os sintomas de Insuficiência Pancreática Exócrina?

Os sintomas de insuficiência pancreática exócrina sobreposição com outras condições que afetam o sistema digestivo. Estes incluem:

  • doença celíaca
  • Síndrome do intestino irritável
  • A doença de Crohn c
  • olite ulcerosa
  • câncer pancreático

Os sintomas de IPE, muitas vezes passam despercebidos. Alguns dos sintomas mais comuns incluem:

  • dor de estômago
  • perda de peso devido à desnutrição
  • sintomas de deficiência de vitamina, tais como problemas de visão, espasmos musculares e osteoporose
  • fezes anormalmente gordas e volumosos, devido à reduzida absorção de gordura no intestino diarreia

Como é diagnosticada a Insuficiência Pancreática Exócrina?

Uma vez que os sintomas de IPE são semelhantes a outras doenças digestivas não há nenhum sintoma único que confirma um diagnóstico IPE. Seu médico provavelmente usará uma variedade de técnicas para diagnosticar IPE e detectar suas causas subjacentes.

História e exame físico

Às vezes, os médicos podem diagnosticar IPE grave com base no seu histórico médico e a presença de vários sintomas de marca, incluindo fezes gordas, diarreia e perda de peso.

Testes de imagem

Testes, incluindo um raio-x, TOMOGRAFIA computadorizada ou ressonância de imagem vai ajudar o médico a...

publicidade

...procurar evidências de danos ao seu pâncreas.

Testes laboratoriais

Testes laboratoriais irão verificar a quantidade de gordura nas fezes para ver se não estão sendo digeridos corretamente. Um teste de respiração mede digestão gorda indiretamente pela procura de determinados produtos químicos quando você expira.

Teste para condições relacionadas

É um teste adicional para ver se uma condição relacionada como pancreatite ou diabetes é a causa raiz de seu IPE.

Como é tratada a Insuficiência Pancreática Exócrina?

Se você é diagnosticado com IPE, seu tratamento incidirá em aliviar os sintomas e ajudar seu corpo a absorver os nutrientes normalmente.

Dieta e mudanças no estilo de vida 

Tratamento muitas vezes requer uma combinação de dieta e outras mudanças de estilo de vida para estimular a digestão mais suave. Isto significa ter uma vida mais saudável, dieta equilibrada, que contém as gorduras certa e não incluir outras coisas, como alimentos ricos em fibras.

Medicamentos e suplementos

Você também pode precisar de tomar suplementos vitamínicos, porque IPE torna mais difícil para o seu corpo absorver determinadas vitaminas. Seu médico pode prescrever suplementos de enzima para substituir o que não está fazendo no seu pâncreas.

Insuficiência Pancreática Exócrina pode ser prevenida?

Muitas vezes não dá para evitar de ter insuficiência pancreática exócrina, especialmente se é o resultado de uma condição hereditária como a fibrose cística. Para diminuir a sua probabilidade de desenvolver pancreatite e insuficiência pancreática exócrina associado, evitar o consumo pesado de álcool, comer uma dieta equilibrada e evite fumar.

Perspectivas

Apenas cerca de metade das pessoas com insuficiência endócrina do pâncreas têm níveis de digestão de gordura retornar ao normal. Grave insuficiência endócrina do pâncreas pode ser especialmente difícil de resolver. Mas o cumprimento do seu plano de tratamento e mudanças de estilo de vida positivo pode melhorar suas chances de retornar a digestão normal e melhorar sua qualidade de vida.

Sobre o Autor

Médico Generalista escritor com 35 anos de experiência em Clínica Geral / Saúde da Família.

Aviso Saudável
Os conteúdo do artigo e demais informações divulgadas não devem substituir a orientação ou o diagnóstico de profissionais de saúde ou um especialista na área de saúde.
Em caso de emergência médica ligue para 192 e solicite ajuda!
Disque Saúde SUS (Sistema Único de Saúde) ligue para 136
Centro de Valorização da Vida (CVV) ligue para 188.

publicidade