O que é ressaca? Sintomas de ressaca

O que é ressaca? Sintomas de ressaca

A ressaca é uma coleção de sinais e sintomas ligados a uma recente onda de alcoolismo. Uma pessoa com ressaca geralmente sente dor de cabeça, sente-se mal, tontura, sonolenta, confusa e com sede.

publicidade
publicidade
Sintomas e Doenças

O que são os sintomas que ocorrem após a ingestão excessiva de álcool?

A ressaca é uma coleção de sinais e sintomas ligados a uma recente onda de alcoolismo. Uma pessoa com ressaca geralmente sente dor de cabeça, sente-se mal, tontura, sonolenta, confusa e com sede.

As ressacas podem ocorrer a qualquer hora do dia, mas geralmente são mais comuns de manhã logo após uma noite de bebedeira.

Além dos sintomas físicos, a pessoa pode experimentar níveis elevados de ansiedade, arrependimento, vergonha, constrangimento e depressão. A gravidade de uma ressaca está intimamente ligada à quantidade de álcool consumida e quanto ao sono do paciente; quanto menos dormir, pior a ressaca.

É impossível dizer realmente quanto álcool pode ser consumido com segurança para evitar uma ressaca, depende do indivíduo e de outros fatores, como estar cansado antes de começar a beber, se já estavam desidratados antes de começar a beber, se beberam bastante água durante a sessão de beber e quanto dormiram depois.

O que é ressaca?

O que é ressaca?

Ressaca é um tipo de crise de abstinência. Como qualquer outra bebida ou alimento, o álcool é metabolizado e distribuído pela corrente sangüínea para todas as células do corpo. A sensação de embriaguez e relaxamento ocorre quando ele chega ao cérebro.

É o momento da intoxicação. O corpo faz um grande esforço para dar conta das doses excessivas.

Quem mais trabalha é o fígado, que precisa produzir enzimas para absorvê-lo, transformá-lo em gordura e secretá-lo pela bile. Quando o trabalho acaba, o fígado quer mais e entra numa espécie de depressão, desorganizando todo o metabolismo.

O sistema nervoso, que também foi acelerado, tem uma reação parecida. O resultado é uma queda da força muscular, dor de cabeça, enjôo, diarréia, sensibilidade à luz e um cansaço enorme.

Como curar a ressaca?

Infelizmente não. Os sintomas podem ser aliviados pela ingestão de água, reposição de eletrólitos no corpo através...

publicidade ;)

... da alimentação e repouso. Na grande maioria dos casos, as ressacas desaparecem após cerca de 24 horas. O consumo responsável pode ajudar a evitar ressaca.

Não há "tratamento" para uma ressaca, a melhor maneira de evitar uma ressaca é não beber ou beber sensatamente e dentro dos limites recomendados.

A ressaca tem que seguir seu curso, e isso pode ser melhor feito com repouso, bebendo muita água, talvez alguns analgésicos, e simplesmente esperando. Não beber uma bebida alcoólica para se livrar de uma ressaca. Isso é um mito e provavelmente apenas prolongará os sintomas da ressaca.

As dicas a seguir podem ajudar:

  • Bebida: Beba água durante todo o dia. A água é o melhor fluido.
  • Comer: Vá para alimentos leves, como biscoitos ou pão, que podem aumentar o açúcar no sangue e são fáceis para o estômago. Alimentos contendo frutose podem ajudar a metabolizar (quebrar e eliminar) o álcool mais rapidamente.
  • Dor: Algumas pessoas podem tomar um analgésico. Esteja ciente de que certos analgésicos, como paracetamol (Tylenol, paracetamol) atacam o fígado em altas concentrações, enquanto a aspirina pode não ser ideal para um estômago muito delicado. Se você não tem certeza do que escolher, pergunte a um farmacêutico qualificado.
  • Descansar: O sono pode ajudar a acelerar a recuperação. Tenha um pouco de água ao lado da cama.

Em suma, você não deve beber mais do que você sabe que seu corpo pode suportar.

Sintomas de ressaca

Os olhos vermelhos são um dos sintomas mais visíveis de uma ressaca. Os sinais e sintomas de uma ressaca geralmente começam a ocorrer quando o álcool no sangue cai consideravelmente. Normalmente, isso acontece de manhã depois de uma noite de alto consumo de álcool e pode incluir:

  • pulsação acelerada
  • ansiedade
  • olhos vermelhos
  • dores no corpo e nos músculos
  • diarreia
  • tontura
  • halitose (mau hálito)
  • dor de cabeça
  • hipersalivação
  • flatulência
  • letargia, cansaço, fadiga, indiferença
  • náusea
  • fotofobia (sensibilidade à luz)
  • problemas focando ou concentrando
  • sensibilidade a sons altos
  • depressão (disforia)
  • irritabilidade
  • mau humor
  • dor de estômago
  • sede
  • tremor ou tremores, funções motoras erráticas
  • vômito

Causas da ressaca

A ressaca...

publicidade

...é conseqüência de ter consumido muito álcool, o que causa vários efeitos adversos:

  • Urinar: O álcool faz uma pessoa urinar mais, o que aumenta as chances de desidratação. A desidratação pode dar ao indivíduo aquela sensação de sede e tontura.
  • Resposta do sistema imunológico: O álcool pode desencadear uma resposta inflamatória do sistema imunológico. Isso pode afetar o apetite, a concentração e a memória.
  • Irritação do estômago: O consumo de álcool aumenta a produção de ácidos estomacais; também diminui a velocidade com que o estômago se esvazia, essa combinação pode levar a náuseas, vômitos ou dor de estômago.
  • Queda de açúcar no sangue: os níveis de açúcar no sangue de algumas pessoas podem cair abruptamente quando consomem álcool, resultando em tremores, mau humor, cansaço, fraqueza geral e até convulsões em alguns casos.
  • Dilatação dos vasos sanguíneos: O consumo de álcool pode dilatar os vasos sanguíneos, o que pode causar dores de cabeça.
  • Qualidade do sono: Embora dormir quando beber seja comum, a qualidade desse sono geralmente será ruim. O indivíduo pode acordar cansado e ainda com sono.
  • Congêneres: São substâncias que são produzidas durante a fermentação e são responsáveis pela maior parte do sabor e aroma das bebidas destiladas (uísque ou gin, por exemplo). Elas são conhecidas por contribuir para os sintomas de uma ressaca. Exemplos de congêneres incluem ésteres e aldeídos.
  • Tóxico subprodutos: O metabolismo do álcool produz substâncias tóxicas que podem causar muitos dos sintomas das ressacas.

O corpo processa álcool a uma determinada taxa. Consumir mais álcool antes que o corpo tenha tempo de se recuperar significa que a probabilidade de ressaca aumenta.

Prevenção da ressaca

A maneira mais fácil de evitar uma ressaca é moderar ou evitar a ingestão de álcool.

Beber muita água juntamente com as bebidas alcoólicas ou consumir uma refeição tarde da noite depois de uma sessão de beber pesado também pode moderar a ressaca que pode ocorrer na manhã seguinte.

publicidade

Aviso Saudável
Os conteúdo do artigo e demais informações divulgadas não devem substituir a orientação ou o diagnóstico de profissionais de saúde ou um especialista na área de saúde.
Em caso de emergência médica ligue para 192 e solicite ajuda!
Disque Saúde SUS (Sistema Único de Saúde) ligue para 136
Centro de Valorização da Vida (CVV) ligue para 188.