Por que é importante ter uma boa noite de sono durante COVID-19
Autor:

Por que é importante ter uma boa noite de sono durante COVID-19

Estresse elevado e uma sobrecarga de informações podem manter a mente correndo e elevar a resposta do sistema de excitação do corpo, desencadeando insônia.

Por que é importante ter uma boa noite de sono durante o surto de coronavírus

As ansiedades relacionadas à perda de controle e à incerteza são compreensíveis à medida que nos abrigamos durante a pandemia COVID-19. Embora uma resposta natural ao medo seja par para o curso, muita ansiedade pode ser problemática. Em vez de gastar tempo e energia se preocupando, por que não canalizar essa energia para o que você pode controlar - autocuidado. Focar no sono é um ajuste natural para trabalhar o autocuidado, pois sabemos que dormir o suficiente pode beneficiar seu sistema imunológico.

O sono pode ajudar meu sistema imunológico a combater o coronavírus?

O sono amplo suporta o sistema imunológico, o que reduz o risco de infecção e pode melhorar os resultados para as pessoas que lutam contra um vírus. Por outro lado, a privação do sono enfraquece o sistema de defesa do corpo e torna as pessoas mais vulneráveis a contrair um vírus.

O sono pode ajudar a melhorar meu humor e produtividade durante a pandemia COVID-19?

Não é fácil funcionar no nosso melhor sem acesso fácil às nossas habilidades habituais de enfrentamento (por exemplo, apoio social, exercício, etc.) enquanto nos abrigamos no local. O sono adequado pode maximizar seu potencial para ter dias melhores nessas circunstâncias. O sono ideal ajuda a regular o humor, melhorar a função cerebral e aumentar a energia e a produtividade geral durante o dia.

Por que tantas pessoas estão tendo problemas para dormir enquanto se abrigam no local?

Estresse elevado e uma sobrecarga de informações podem manter a mente correndo e elevar a resposta do sistema de excitação do corpo, desencadeando insônia.

As pessoas estão gastando cada momento de vigília dando uma última olhada em suas telas (atualizações de...

... notícias, educação COVID-19, conexões sociais). A luz azul dessas telas diz ao cérebro para parar de produzir o hormônio do sono melatonina, o que pode levar a problemas para dormir.

Além disso, a perda da estrutura diurna pode atrapalhar os horários de sono noturnos. Tempos inconsistentes de dormir e horas de vigília podem mudar a pressão, ou impulso, para dormir, tornando a capacidade de dormir menos previsível.

Finalmente, o humor deprimido, mais tempo de inatividade e baixa energia podem aumentar o cochilo longo, tornando mais difícil dormir à noite.

O que pode me ajudar a dormir melhor durante o surto de coronavírus?

O sono é crucial neste momento. Veja como mudar hábitos pode ajudar a melhorar seu sono:

  • Crie um horário de sono. Descubra sua necessidade de sono (experimente com quantidades diferentes), em seguida, priorize essa quantidade de sono todas as noites. Enquanto seis ou nove horas podem ser apropriados para alguns adultos, a maioria precisa de sete a oito horas. Não somos obrigados a atividades sociais noturnas, então ir para a cama é mais realista agora — aproveite isso.
  • Limite o tempo de tela à noite. Desligue seus dispositivos uma hora antes de dormir. Deixe seu celular carregando na cozinha para que você não fique tentado a olhar para as atualizações do COVID-19 durante a noite.
  • Encontre tempo para você. Tome a hora antes de dormir como "hora de mim" sem compromisso eletrônico. Minimize as conversas e chamadas durante essa hora. Isso não é fácil, especialmente se você tem filhos pequenos em casa, mas é importante. Todos precisamos de pelo menos uma hora sozinhos por dia. Tome um banho quente/banho, toque música calmante, experimente um aplicativo de meditação e leia um livro ou revista.
  • Minimize cochilos. O sono diurno deve...

    publicidade

    ...ser inferior a 30 minutos e antes das 14h. Se tiver algum problema para dormir, evite cochilar.

  • Tente exercícios de respiração. Use dez respirações profundas lentas para dormir e voltar a dormir. Deve ser uma inalação lenta pelo nariz por 3 a 4 segundos e um lento exalar pela boca por 3 a 4 segundos.
  • Melhore seu ambiente de sono. Certifique-se de que o ambiente do seu quarto é propício para dormir. Mantenha a temperatura ambiente fria, experimente uma máscara de olho ou sombras de apagão e use uma máquina de ruído branco para bloquear o ruído estranho da rua ou do corredor.
  • Ganhe controle sobre o estresse. Muitas pessoas têm menos acesso às suas estratégias habituais de enfrentamento, como tempo com amigos e ir à academia. Experimente novas atividades e hobbies — pintura, escrita, fotografia, vídeos de exercícios internos, etc. Encontre maneiras de se manter conectado com amigos e familiares através da tecnologia. Considere a terapia se o estresse parecer incontrolável.
  • Estruture sua agenda diurna. Comprometa-se com atividades diárias (por exemplo, exercícios, refeições, socialização) em determinados momentos para construir estrutura para seus dias. Isso suportará uma hora regular de dormir e hora de acordar. Defina lembretes de celular para ancorar sua agenda e como um lembrete para desligar as telas uma hora antes de dormir.

O que mais preciso saber sobre meu sono?

Enquanto o sono é importante, tente não se preocupar com isso! Preocupar-se com o sono só se transforma em mais estresse. Em vez disso, basta fazer o seu melhor para ir para a cama na hora e seguir essas dicas se houver problemas. Lembre-se de sempre voltar a "controlar os controláveis". Você não pode controlar o resultado de seus esforços, apenas os esforços em si.

Sobre o Autor
Dr. Pedro Lemos - Médico Generalista escritor

Médico Generalista escritor com 35 anos de experiência em Clínica Geral / Saúde da Família.

Aviso Saudável
Os conteúdo do artigo e demais informações divulgadas não devem substituir a orientação ou o diagnóstico de profissionais de saúde ou um especialista na área de saúde.
Em caso de emergência médica ligue para 192 e solicite ajuda!
Disque Saúde SUS (Sistema Único de Saúde) ligue para 136
Centro de Valorização da Vida (CVV) ligue para 188.

publicidade